• Everson Ferreira

FOCO NESTES CAPÍTULOS PARA MIGRAR COM ASSERTIVIDADE NA ISO 45001:2018


As organizações precisam de preparação e adaptação aos requisitos novos e revisados antes de migrarem da OHSAS 18001 para a ISO 45001. Pontos fundamentais os quais consideramos como críticos:

Minhas recomendações são que adotem as seguintes premissas para os capítulos abaixo, mais não esqueçam dos demais.

Consulta e participação do trabalhador – Neste capítulo o foco está em considerar o representante do trabalhador, como um mecanismo de consulta e participação, isto, poderá ser feito através dos membros da CIPA. No próximo post falaremos um pouco sobre consulta e participação do trabalhador.

Planejamento e controle operacional - O planejamento e controle operacional é fundamental para assegurar, promover e proteger a saúde física e mental dos trabalhadores e é espinha dorsal da ISO 45001. O capítulo 8 estabelece os requisitos relevantes ao controle operacional e planejamento e abrange várias medidas de controle necessárias para garantir que o sistema de gestão alcance os resultados pretendidos eliminando perigos, reduzindo risco e fazendo uma gestão de mudança planejada. O capítulo também abrange controles relacionados à aquisição de produtos e serviço que também incluem contratados e processos terceirizados.

Identificação de perigos, avaliação de riscos e oportunidades

As organizações precisam e necessitam estabelecer processos para identificar, avaliar e mitigar os riscos. A norma ABNT NBR ISO 31000 é excelente para determinação destes pontos. O foco em riscos é aprimorado na ISO 45001, as organizações devem tratar riscos que sejam pertinentes ao seu propósito e para seu direcionamento estratégico. Na ISO 45001 as cláusulas relevantes para esta área são encontradas no capítulo 6.1.

Requisitos Legais – Considere os acordos coletivos, responsabilidades sociais e compliance, evidenciados nos capítulos 6.1.2.1(e) e a nota 2 do capítulo 5.4

Preparação e resposta à emergência

A organização deve estar preparada para responder as potenciais emergências identificadas no item 6.1.2.1 mais como a fazer? Uma vez identificados perigos prepare respostas planejadas, estabeleça simulações periódicas, avalie seu desempenho e implemente as ações de melhorias.

No próximo post vamos tratar sobre o capítulo consulta e participação do trabalhador na ISO 45001.

Precisa de maiores esclarecimentos? Nós podemos ajudar. Entre em contato conosco.

Tags: ISO45001, Riscos, SGSSO. Emergência, Perigo, Eliminação.

EVERSON FERREIRA PINTO

Formado em engenharia mecânica na FTESM RJ com pós-graduação em logística empresarial pela Fundação Getúlio Vargas, engenharia de Segurança pela UCAM, Com mais de 35 anos de experiência na área de óleo e gás como gerente de Qualidade e gerente de suprimento. Capacitado pelo BSI Brasil para implementação sistema de gestão da Qualidade em conformidade com ABNT NBR ISO 9001:2015 , Certificado pela QSP -Centro da Qualidade, Segurança e Produtividade para Brasil e América Latina em auditoria de Gestão de risco e implantação de gestão de risco baseada na ABNT NBR ISO 3100, capacitado para implantação de Sistema de Gestão integrados pelo Bureau Veritas nas normas de Gestão ABNT NBR ISO9001 , 14001 e 45001 com formação em mentoring coaching & Advice Humanizado ISOR® credenciado a atuar como líder mentor e Coach ISOR® .

EFP Consultoria & Treinamento

contato@efpconsultoria.com.br

2016 © EFP Consultoria & Treinamento

Todos os Direitos Reservados